terça-feira, 2 de setembro de 2008

Há alturas...


Há alturas em que apetece estar só
Há alturas em que apetece fugir
Há alturas em que apetece não estar
Há alturas em que apetece não ser
Há alturas... menos boas

8 comentários:

L.M disse...

Mas como todas as alturas essa também é passageira e espero que passe rapidinho! :)
Beijinho

A menina do bairro disse...

não fiques assim! vai tudo correr bem! sei que tem sido um ano dificil mas não podemos perder a vontade de sorrir!

estou mesmo aqui ao lado ok?

BEIJOS

Francisco disse...

Há alturas em que, só, procuro alguém, que sinta o mesmo que eu, para que ambos possamos sentir que existe sempre alguém... que sente o mesmo que eu.

Hoje não me apetece "ser". Por isso, encosto-me a ti, para que possamos ser nada os dois.

free speaker disse...

Se há... mas como diri uma amoga minha e mais um milhão de pessoas:"Não há bem que sempre dure e mal que nunca acabe!"

Já agora: Parabéns pelo blogue!

aoutrarua@gmail.com disse...

Há alturas... que passam. E que, mesmo tendo sido tristes, nos deixam umas certas saudades e marcam, porque são elas que nos definem.

Borboleta disse...

E como tudo, essas fases também passam para dar lugar às melhores fases :) Espero que a fase actual passe muito rápido...
Beijinhos

Hindy disse...

Eu sei bem o que isso é...

Beijinho hindyado

Lídia disse...

... há, realmente, dias assim... fases assim. Força! Bj