segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Como eu

Hoje acordei com aquela sensação de insatisfação... parece que a felicidade nunca poderá ser completa, que nunca se tem direito a nada por inteiro. E quando olhei o céu... até a lua estava por metade. Como eu.

3 comentários:

Kumbuka disse...

Só vivemos ou sentimos necessidade de o fazer porque estamos neste mundo numa busca constante pelo preenchimento interior! No dia em que se sentir plena é porque a sua missão neste mundo está completa...viva a aventura de se preencher sem querer transbordar só assim será mais feliz :)

... o lugar que eu sou disse...

Obrigada por tão sábias palavras :)

Kumbuka disse...

Obrigado eu por permitir que pessoas estranhas leiam as suas ideias :)